Noite de Nupcias: pagar ou não um hotel?

Sei que meu post de hoje será um pouco polêmico, afinal somos todos diferentes, mas resolvi escrevê-lo mesmo assim porque sei que muitas outras noivinhas vão passar por uma situação parecida com a minha na véspera e dia do casamento! Então quem sabe ajuda alguém, não é?

Quando fui me casar meus convidados começaram a chegar na quarta-feira. A casa foi enchendo, eu ainda estava trabalhando no consultório, numa tremenda correria com tudo, pequenos detalhes para resolver e a cabeça a mil, um cansaço inexplicável. Era todo mundo a mil por hora, empolgado, e minha bateria só baixando, baixando… Era ir no shopping com um, jantar com outro, ensaio pro casamento. Almoço com um, prova do vestido, hidratação no cabelo, depilação, lanchar, fazer janta, acordar cedo, ir pra consultório, atender, buscar bebidas, dar atenção pro fulano que acabou de chegar, busca presente, vai no salão de festas levar os 2 mil detalhes, volta em casa, vai fazer unha, tá atrasada, começa a chover, esqueceu de comer! Vai buscar o restante do pessoal no aeroporto, o voo atrasou, 1, 2, 3 horas de espera, volta pra casa, banho de lua… MORTA! Chegou mais um grupo de madrugada, e pula, ri, brinca. Acorda! Insônia, nada de conseguir chegar a manhã, sono, já amanheceu? Enfim… O dia mais especial da minha vida veio carregado de muito cansaço e obrigações, detalhes para pensar e nem um minuto sequer para mim. Claro que nem com todo mundo é assim. Mas na minha família é! E claro, cada um conhece a rotina, pique e ‘espírito’ da família que tem.

Vocês devem estar se perguntando o que tudo isso tem a ver com a Noite de Nupcias não é? Então! Conto agora!

Meu casamento tinha festa, e na festa tinha bebida. Tinha também noivos extasiados com o momento, e como já contei com um misto de cansaço e alegria que regeu o momento. Como conhecemos a família e amigos que temos, sabíamos que a festa iria madrugada à dentro e se pudesse até de manhã. E que todos iríamos aproveitar muuuuito! E não me enganei.

Eu bebi muito pouco. Tinha um garçom fofo que passou a noite atrás de mim, me servindo de espumante, mas me fazia beber sempre um copo d’água. Então fiquei super tranquila todo tempo. Com o Luiz foi bem diferente! Passando a gravata foi um tal de bebe do meu, vira a cerveja, bebe whisky, agora prova meu drink com limão, toma essa taça de espumante. E o Luiz acabou bebendo beeem mais que o previsto! Depois chegaram os shots, que ele adorou e tomou várioooos (em especial o de tequila), e enfim… Quando já era bem no finalzinho da festa ele já não estava passando bem e decidimos ir embora. Foi aí que pensei: puxa, minha casinha tá lá linda (lotaaada de presentes, mas linda!), ia ser tão bom acordar lá, especialmente para o Luiz, que estava passando mal. Sinceramente gente, não tem lugar como a nossa casa! Mas aí já tínhamos fechado a noite de nupcias, fica aquela sensação de ‘temos que ir para lá’, estava tudo organizado assim, e fomos.

O Luiz passou mal a madrugada toda, mas conseguiu dormir. De manhã acordou bem cedo ainda passando mal e quando percebi que ele não melhoraria, saímos para levá-lo ao hospital. E fim! Foi assim a noite no hotel. Não aproveitamos quase nada!

Eu preferia sinceramente ter ido para o hotel na noite anterior ao casamento, dormido no conforto e tranquilidade, acordado com um belo café da manhã me esperando, tomado um belo banho, e aproveitado descansando o dia do casamento. Mas como não tinha experiência, fui fazendo como era o ‘tradicional’.

Claro que sei que para muitos casais a melhor opção é o hotel: quando o casamento é realizado em lugar diferente da casa dos noivos (e digo, é válido que vocês durmam sozinhos na casa de VOCÊS, mas ninguém merece dormir amontoado na casa da mãe ou da sogra!), quando a festa é diurna, e os noivos vão poder curtir a noite juntos, quando a festa não tem bebida nem previsão de ir até mais tarde, quando o perfil da festa é um coquetel, ou somente jantar. Mas para os que tem a mesma realidade que eu tinha vai por mim, pode investir esse dinheiro em outra coisa sem peso na consciência – com certeza não irá se arrepender!

E para as que pensaram ‘mas eu tenho que fechar de toda forma, já que eu quero me arrumar no hotel’, vocês podem também fechar o dia anterior com um late checkout, aí você pode descansar e desacelerar, ainda aproveita para se arrumar. Enfim… É uma opção! Teria sido bom para mim pensar isso antes, quem sabe ajuda alguém?!

 

 

Comments
3 Responses to “Noite de Nupcias: pagar ou não um hotel?”
  1. Taissa da Silva disse:

    Olá Nara,
    Bom saber da sua experiência pois, acho que o meu não vai ser diferente.
    Você pode divulgar o nome do hotel ? As suas fotos parece ter sido no hotel também, é isso ?

    Obrigada.

    Att,

  2. Natalia Souza disse:

    Oi Nara!
    Esse post foi excelente! Minha família é bem parecida com a sua, entretanto eu tenho um porém maior: O noivo é de Goiânia e assim que casarmos vamos morar em Três Lagoas – MS. Estava pensando que ele não está acostumado a farra da minha família, dessa forma, ele precisa dormir mais do que eu. Ganhamos de presente a diária do Hotel, e acredito que o melhor será ele ir pra lá na noite anterior. Também gostaria de saber qual foi o hotel que você foi e o que eles ofereciam.

    Obrigada!

  3. Danielle Duarte disse:

    Oi Nara!

    Adorei o seu post! Realmente valioso e outra dica que você poderia nos passar e referente a diária normal e a diária para noite de nupcias que pesquisei é o dobro ou o triplo do valor. Se compensa pagar pela noite de nupcias.

Deixe seu comentário!!! Será um prazer receber seu feedback de nossos posts! O BLOG NÃO SE RESPONSABILIZA POR COMENTÁRIOS DEIXADOS NOS POSTS E O CONTEÚDO DESTES É TOTAL RESPONSABILIDADE DO AUTOR DOS MESMOS!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: